Páginas

Que Sta Sara abençoe nossos caminhos!

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Duas Cartas que pedem Paciência…Baralho Mundo Cigano

Conhecem aquela música do Lenine? Paciência…

“O mundo vai girando
Cada vez mais veloz
A gente espera do mundo
E o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência…”

Essas duas cartas como mensagem para o dia de hoje me fizeram pensar, nem tudo depende de nós e as vezes a vida requer paciência. Apenas paciência e um estado de aceitação dos fatos da vida. Mas, não vale mentir! Tem que ser de verdade.

A vida não é um Shopping com atrações e objetos de desejo e consumo, as vezes parece que é, mas isso não passa de ilusão. Tudo tem seu preço, é o que escutamos com frequência, mas mais que isso, tudo tem seu tempo e o tempo não pode ser negociado. Os problemas surgem depois vão embora e nem sempre depende de nós, simplesmente acontece.

O Baralho Mundo Cigano é muito interessante e em muito lembra o Baralho da Vovó Cigana, eles tem uma energia parecida quando fazemos a leitura.

00mc

Essas duas cartas mostram que por mais que se faça, e por mais integrado que estejamos com o mundo e nós mesmo (32) mesmo assim não temos o controle sobre os fatos da vida, e somos iguais a todos quando nos deparamos com problemas , dificuldades (21) e nesse caso, mostrada a situação nas cartas ou a própria intuição falando, é preciso pensar no que fazer.

Se isso acontecer com você, não se culpe, não se cobre demais, isso não ajuda em nada, só traz mais dor e sofrimento desnecessario, apenas deixe passar…

A carta 32 (Lago)  fala de um momento de calma, mas ao mesmo tempo traz um alerta “cuidado!”, não se precipite. Acrescentaria ai mais alguns conselhos que não estão no livreto que acompanha as cartas: medite, respire fundo, abasteça sua alma com boas coisas, cuide de sua vida pois a paz é coisa rara.

A carta que a precede representa a “Correnteza” (21) que arrasta tudo por onde passa, e gera danos físicos, materiais, emocionais, prejuízos que levam num segundo aquilo que se construiu com o tempo. Algo que vem de fora, foge ao nosso controle e nos pega de surpresa, tal como essas inundações que chegam e depois nos perguntamos como não pensamos nisso antes!

Por mais que nos estejamos preparados para lidar com as adversidades, sempre temos que lidar com surpresas e ai não tem jeito, somos todos humanamente iguais, sofremos, choramos, nos descabelamos as vezes, mas graças a Deus tudo passa, as tempestades passam, e a próxima carta que não está ali é o sol nascendo num novo dia, iluminando tudo como sempre faz.

Resumo: A paz se perde com facilidade, e a perda da calma reflete em sérios danos para nós. Sim, paz não tem preço, paz não se compra em lojas, e talvez perder a calma e a harmonia interior possa ser a pior coisa que nos aconteça, pior do que qualquer prejuízo material, pior do que qualquer momento de frustração que seja vivido.

O remédio? Paciência!

Bjus queridos! Que Sta Sara nos deixe sempre com o olhar além das aparências!

4 comentários:

Seu comentário é importante para mim, mas nem sempre posso responder com rapidez.Agradeço sua participação e presença no Blog. Que Santa Sara seja a Luz e o Ouro em nossos caminhos!