Páginas

Que Sta Sara abençoe nossos caminhos!

terça-feira, 18 de março de 2014

Baralho da Maria Padilha–Leitura do dia 18/03

Que missão tão boa, essa que recebi desta Moça!

Acordar e tirar um conselho, numa semana que já nasceu com seus desafios. Vejam bem meus amigos, nada é por acaso!

Ao tirar as cartas de hoje, creio que me senti afortunada: Cartas difíceis, proteção impecável, e logo me pego cantarolando um ponto (uma música) que fala assim:

Maria Padilha você é a flor perfeita, que vem dentro dessa seita para aqueles que tem fé. Tú és a Rosa que perfuma a Umbanda, vencedora de demandas, com Amor e muito Axé. Maria Padilha, não me deixe andar sozinho, ponha rosas sem espinhos nos caminhos onde eu passar. Maria Padilha, não me deixe andar sozinho, ponha rosas sem espinhos nos caminhos onde eu passar.  Oh, Pombo - Girê, Oh, Pombo - Gira, faça um tapete de rosas pra que eu possa caminhar…

Para passar o dia de hoje, que me seja possível trilhar o caminho por um tapete de rosas, sem espinhos Smiley piscando!

Vamos as Cartas que o Baralho de Maria Padilha reservou para o dia de hoje: 20/A Luz Vermelha Acesa, e a 17/Balança

foto (92)
Duas cartas de advertência!!!

20/Luz Vermelha: Sinal de alerta, necessidade de atenção, cuidados no agir e sentir, cuidados nos locais onde estamos, cuidado nas energias com as quais interagimos. Se a Luz vermelha acende, é hora de atenção!!!

Essa carta pede que um estado de alerta seja colocado em trabalho e que nos cerquemos de proteção e medidas para que nossa segurança pessoal (material, emocional, espiritual) seja ativada com mais consciência.

17/Balança: A Justiça, assuntos legais, assuntos pendentes. Necessidade de ser justo, equilibrado na interpretação dos fatos, ser chamado a olhar as coisas de forma justa e equilibrada. Buscar agir com calma e equilíbrio, esfriar a cabeça pois Deus é maior que os problemas.

Olhando para o dia de hoje, com duas cartas tão importantes como guia, considero a mensagem de grande valia para mim, e resumiria assim: estar alerta e equilibrado. Encontrar a medida certa, agir com consciencia, buscando a harmonia interior.

O mais fácil e comum, é diante de qualquer problema perdermos o equilíbrio, seja porque nosso emocional nos derruba, ou por sermos incapazes de avaliar nossa real força e condição.

Em todas as situações que vivemos, a necessidade que mais se coloca como “prioridade” é estar em harmonia com as forças. O mundo, a vida, as circunstâncias, não se adaptam à nossa capacidade. Nós é que precisamos avaliar a fé que temos para lidar com as provas.

Um axé de Maria Padilha para todos!

Bjus e felicidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é importante para mim, mas nem sempre posso responder com rapidez.Agradeço sua participação e presença no Blog. Que Santa Sara seja a Luz e o Ouro em nossos caminhos!